Tags: Negocio |

Templeton Global Bond A, uma escolha atractiva para o investidor que compreende o risco inerenteo"


O gestor Michael Hasenstab é experiente e está no comando deste fundo desde 2002 (e na versão dos EUA desde 2001). A sua experiência em análise macro económica está na base desta oferta e a duração do seu mandato demonstra o seu comprometimento com o produto. O gestor é apoiado por uma equipa bem estruturada, tendo especialistas locais em mercados fulcrais.

Do nosso ponto de vista, o processo de investimento é robusto, esta a ser dirigido com análise  fundamental e de valorização. Hasenstab investe em áreas que acredita desvalorizadas através da análise macro económicas global feita pelas equipas globais e as expectativas são detalhadas de acordo com cada país. O gestor implementa os seus pontos de vista na carteira através de troca de moeda,  assumindo crédito de risco ou ambos.

Hasenstab é relativamente permissivo no seu universo de investimento, assim como a sua vontade de tomar grandes posições off-benchmark, especialmente em mercados emergentes, isto quer dizer que a carteira e desempenho podem desviar-se substancialmente dos seus peers de categoria, assim como do índice benchmark. Por exemplo, no final do ano de 2011, manteve uma pequena exposição aos mercados principais dos EUA, Reino Unido, ou Europa e teve uma posição bastante convicta nas moedas dos mercados emergentes.

Os relatórios de rentabilidade demonstram que Hasenstab geriu o alto risco sem restrições, esta sua estratégia de investimento correu bastante bem longo prazo. Desde que foi nomeado para co-gestor em 2002 o fundo destacou-se na sua categoria e benchmark.

Reparamos que os grandes números de activos da Franklin Templeton podem ser um desafio para a liquidez, temos alguma preocupação relativamente à sua capacidade de reacção a eventos inesperados,da mesma forma que teve no passado. Adicionalmente o custo total (TER) do fundo é relativamente alto em relação à mediana da categoria. Contudo iremos continuar a monitorizar estes factores com cuidado, baseado na nossa opinão positiva do gestor e do seu processo acreditamos que actualmente o fundo merece a classificação Silver.

Papel da Carteira:

A carteira desempenha um papel de suporte. Historicamente, este fundo tem uma maior incidência de investidores Europeus e Asiáticos, procurando uma exposição em bonos globais, mas a sua inclinação para os mercados emergentes, o que o torna mais apropriado para desempenhar o seu papel de suporte numa carteira.
 

Archivos adjuntos

Lo más leído